Direitos Já! realiza II Ato Internacional com 35 horas de programação

O Direitos Já! Fórum pela Democracia deu importante passo em defesa da democracia brasileira, ao realizar o II Ato Internacional pela Democracia. A abertura presencial, no dia 14/9, na sede da Força Sindical, reuniu representantes de 15 partidos – PSD, PSL, Solidariedade, Cidadania, MDB, PV, PSB, REDE, PDT, PT, PSOL, PCdoB, PSDB, DEM e PL, sendo 12 deles presencialmente, para a divulgação de manifesto em defesa da democracia e pelo impedimento do presidente Bolsonaro.

O coordenador geral do Direitos Já!, Fernando Guimarães, destacou no manifesto que “não há mais tempo para tergiversar: faz-se imprescindível que a sociedade se una e erga-se para preservar sua liberdade”. Ele concluiu dizendo que “nesse intento, a Vigília Direitos Já! pela democracia no Brasil convoca uma aliança mundial com os democratas brasileiros para observar e garantir a realização de eleições livres”.

O evento de 3 horas contou com apoio técnico da União Geral dos Trabalhadores (UGT) e foi transmitido pelo site UOL.

Já nos dias 18 e 19/9, na segunda parte do II Ato, o Direitos Já! realizou uma vigília online pela democracia brasileira, com duração de 32 horas e a participação de dezenas de pessoas, num total de 21 países, por meio de vídeos produzidos especialmente para o evento. Nomes como Nando Reis, Juca Kfouri, Ana Moser, Marieta Severo, Cassio Scapin, Zeca Baleiro, João Signorelli, Marisa Orth, Chico Cesar, Titãs, Marco Nanini, Gilberto Gil, Renata Sorrah participaram da programação, que contou com apresentações musicais e saraus.

Entrevistas com convidados estrangeiros também fizeram parte da vigília: Noam Chomsky, linguista americano, Boaventura de Sousa Santos, sociólogo português, Julio Maria Sanguinetti, ex-presidente do Uruguai, Ricardo Lagos, ex-presidente do Chile, Steven Levitsky, cientista político, Yaneidys Pérez Cruz, deputada cubana, José Luis Zapatero, ex-primeiro ministro da Espanha, Susie Orbach, crítica social e psicanalista britânica e Ernesto Samper, ex-presidente da Colômbia. Uma conversa entre os ex-ministros de Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira e Celso Amorim, marcou o primeiro dia da programação.

Colaboraram também com vídeos as seguintes entidades: Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra – MST, Esporte pela Democracia, Uneafro Brasil, Pensamento Nacional das Bases Empresariais – PNBE, Confederação das Mulheres do Brasil – CMB, Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência - SBPC, Associação dos Produtores de Teatro do Rio de Janeiro – APTR, Frente Inter-Religiosa por Justiça e Paz Dom Paulo Evaristo Arns, Caminho da Graça, Associação Brasileira de Imprensa – ABI, Conselho Nacional De Saúde – CNS, Federação Nacional dos Estudantes de Direito – FENED, Coletivo Fora da Gaiola, Fórum Brasileiro de ONGs e Movimentos Sociais para o Meio Ambiente e Desenvolvimento, União Nacional dos Estudantes - UNE, Campanha Fora Bolsonaro, União Geral dos Trabalhadores – UGT, Central dos Sindicatos Brasileiros – CSB, Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil – CTB, Nova Central Sindical de Trabalhadores – NCST, União Brasileira dos Estudantes Secundaristas – UBES, Associação Nacional de Pós-graduandos – ANPG e Aliança Nacional LGBTI.

Confira fotos do ato presencial e os vídeos da programação da segunda parte do II Ato Internacional nas nossas redes sociais: YouTube, Facebook e Instagram.

FOTO 23.JPG
Card Finalizado Feed 2.jpg
Card convidados 15 set.jpg
bandeiras.jpg
card artistas.jpg
card entidades.jpg
Card Internacional.jpg